segunda-feira, 21 de setembro de 2009

ADI: ABORDAGEM DIRETA AO INCONSCIENTE


Dra. Renate Jost de Moraes é a criadora deste método de cura.
Ela usa deste método na Fazenda da Esperança de Frei Hans. Minha cunhada é amiga pessoal da Dra. Renate. Diz que ela é bárbara de verdade e que o método funciona.
Quando fiz minhas Aldeias de Vida, em setembro de 1998, entrei num processo totalmente desconhecido por mim, dizia para as pessoas que parecia que meu inconsciente ou subconsciente estava iluminado. Mas como assim? Meu cérebro entrou num processo de auto conhecimento e auto descoberta de coisas que nunca pensei que existissem. Era algo muito esquisito, pois comecei a entender sobre linguagem subliminar, comecei a analisar o comportamento das pessoas, suas roupas, maneira de falar ou sentar, e a partir daí comecei a entender o que a pessoa estava pensando, mesmo antes dela abrir a boca. Achei isso esquisitíssimo, pois nunca tinha estudado nada sobre linguagem subliminar, aliás, nem sabia que existia tal linguagem, ou seja, as pessoas colocam coisas de forma não muito clara e seu cérebro capta essas mensagens. Dizem que profissionais de grandes empresas fazem isso em suas propagandas, aprendem como fazer isso para estimular as pessoas a serem dependentes das coisas, sem que elas nem percebam que estão sendo manipuladas, coisas dessa linguagem aí.
Mas eu não estudei e nem entendo bem essas coisas, sou leiga. Mas isso aconteceu comigo, se quisesse manipular as pessoas nessa época conseguiria com tranqüilidade, por estar tendo consciência desse poder de nossa mente. Coisas estranhas essas...
Outra coisa, não sabia que psicólogos psiquiatras e profissionais em relações humanas estudavam as posturas das pessoas e somente pelo fato de como sentamos, já sabem quem somos em parte, se somos tímidos ou não. Pelo modo de olharmos para a direita ou para a esquerda, para cima ou para baixo, isso já sabiam se estávamos mentindo ou não. Coisas desse tipo. Mas se nem sabia disso, como é que meu cérebro começou, a saber, isso gente? Sem eu ter estudado? Eu simplesmente nesta época ficava sabendo essas coisas. Pela roupa que você usava, sabia se estava triste ou feliz. Mesmo se sua aparência me dissesse uma coisa e seu rosto outra. Não adiantava disfarçar, pois eu sabia o que estava acontecendo no interior das pessoas.
Daí fui descobrir que existia esse método da ADI, que leva as pessoas a viverem justamente esse processo de descoberta.
Mas digo uma coisa a vocês, para mim foi muito complexo ter que lidar com tudo isso e dessa forma, sem ter ninguém que me auxiliasse. Foram tempos muito difíceis esses, pois uma coisa é você ter um profissional lhe auxiliando, outra é você e sua família que não entendia nada do que estava acontecendo ter que aceitar e conviver com tudo isso, sem saber do que se tratava Tempos difíceis.
Mas somente há alguns anos atrás, descobri que é um processo natural de auto conhecimento e que todos que desejarem trilhar esse caminho de alguma forma viverão isso. O que interessa é que venci... Vencemos... Agora já sei o que acontece e de alguma forma posso ficar sossegada.
Hoje já não sei mais nada sobre linguagem subliminar ou postura das pessoas, não mais a nível consciente, mas vivi esse processo.
Se você já viveu algo parecido? Acredite você é normal. Não temas!
Abraço. Lourdes.

14 comentários:

  1. eu estou vivendo este momento e para apreder a lidar com essa realidade em dezembro eu ferei a terapia com a Dr. Renati Jost em BH, espero encontrar na ADI as respostas que necessito.

    ResponderExcluir
  2. Acho que um bom estudo de filosofia, mas ou menos um Bacharelato, poderemos encontrar resposta para todas as nossas ações e atitude. Não acredito nisso, o homem sabe das suas dores, porque ele mesmo passou por determinadas situações, e nada melhor do que ele mesmo para resolver. Precisamos deixar de ser coitadinhos, fraquinhos e levantar a cabeça e assumir quem nós somos e deixar de viver de aparência e assumir a nossas próprias fragilidades, que sabemos o que é, sem precisar que os outros digam para você.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. primeiro: não é todo mundo que tem dinheiro pra fazer um curso de filosofia....
      as vezes nos precisamos de ajuda. nao devemos se orgulhosos demais e pensar no ego como se fosse a unica coisa que existe no mundo...
      otimo trabalho o da dr. renati jost

      Excluir
  3. Eu recomendo ADI...Fiz a terapia e trouce bons resultados para mim. hoje vivo melhor que antes.

    ResponderExcluir
  4. Olá! Sou Psicologa e consagrada de um instituto secular...gostaria de saber como faço para manter contatos e saber como posso fazer esta esperiencia da A.D.I.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Adriana! O método A.D.I foi aprovado pela Igreja, e a clínica responsável pelo mesmo oferece cursos para profissionais que queiram aprender. O local fica em Belo Horizonte-MG, mas acredito que tenha em outros estados também. Você pode obter maiores informações através dos telefones: (31) 3287-0101 e (31) 3071-0101 dos e-mails: contato@tipclinica.com.br; contato@fundasinum.org.br; cursos@fundasinum.org.br; e dos sites: www.tipclinica.com.br e www.fundasinum.org.br/cursoab.htm E através deste link (que é deste primeiro site que citei) você pode conhecer melhor a terapia: http://tipclinica.com.br/index.php?option=com_content&view=article&id=54&Itemid=70
      Estas são fontes seguras, visto que são diretamente da autora do método e da instituição (denominada FUNDASINUM) que certifica os profissionais, para que haja a correta aplicação e utilização do Método ADI/TIP.
      Espero que tenha ajudado, bjs.

      Excluir
  5. sou andré machado
    vocvacionado dos frades menores em sao paulo
    fui seminarista e gostaria de fazer a ADI
    nao tenho condiçoes financeiras, podem me ajudar???
    email> bernardussjs@hotmail.com
    cel vivo 15 996608611

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá André! O método A.D.I foi aprovado pela Igreja, e segundo o que uma Madre Clarissa me disse a clínica responsável pelo mesmo oferece a terapia gratuitamente para religiosos. O local fica em Belo Horizonte-MG, mas está presente em outros estados também, como SP. Você pode obter maiores informações através dos telefones: (31) 3287-0101 e (31) 3071-0101 dos e-mails: contato@tipclinica.com.br; contato@fundasinum.org.br; cursos@fundasinum.org.br; e do site: www.tipclinica.com.br Estas são fontes seguras, visto que são diretamente da autora do método e da instituição (denominada FUNDASINUM) que certifica os profissionais, para que haja a correta aplicação e utilização do Método ADI/TIP. Infelizmente, alguns profissionais não certificados pela fundasinum têm usado o método de maneira incorreta, por isso é importante tomar cuidado e procurar informações com as fontes que estão aqui.
      Espero ter ajudado, fique com Deus.
      Espero que tenha ajudado, bjs.

      Excluir
  6. Olá, Por favor, gostaria de saber o preço desta terapia! Quero muito fazer porém tenho vergonha de mandar email perguntando...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vc já foi corajoso(a) em ter escrito aqui, e já é um passo.
      Lembra que você é mais um daqueles que querem ajuda e a Fundação não fará nada com seus dados, porque não terá.
      Neste link só exigem seu e-mail para resposta e o resto fica a sua escolha.
      http://www.tipclinica.com.br/index.php?option=com_ckforms&view=ckforms&id=4&Itemid=117

      Excluir
  7. Vc já foi corajoso(a) em ter escrito aqui, e já é um passo.
    Lembra que você é mais um daqueles que querem ajuda e a Fundação não fará nada com seus dados, porque não terá.
    Neste link só exigem seu e-mail para resposta e o resto fica a sua escolha.
    http://www.tipclinica.com.br/index.php?option=com_ckforms&view=ckforms&id=4&Itemid=117

    ResponderExcluir
  8. Olá estou terminando a faculdade e gostaria de me especializar nesta área, como posso fazer?

    ResponderExcluir
  9. Eu só Ferreira de Moçambique. Já ouvi falar dessa terapia e já li vários livros da Dr. Renate oferecido por um irmão brasileiro residente aqui em Moçambique, portanto eu mi interessei bastante e gostaria de mi formar nessa especialidade. Só que as condições econômicas mi impedem. Eu só finalista do curso de psicologia clínica e assistência social. Sou católico. Ajude-me.
    Já participei em uma jornada de experiência com os meninos da Fazenda da esperança em Moçambique.
    Meu email: ferremaju@Gmail.com

    ResponderExcluir
  10. vou entrar em contato com vocês, estou muito interessada. obrigada.

    ResponderExcluir